Meu maior problema, e como vou lidar com isso…

Eu me sinto muito bem comigo mesmo; Eu tenho amigos incríveis, garotas atraentes interessadas em mim, finanças tratadas, uma família amorosa e estou em ótima forma. Eu diria que não tenho problemas em atrair mulheres, absolutamente sem problemas.

Mas eu realmente olhei para dentro de mim mesmo, meditei, fiz exercícios e acho que atingi o cerne da razão pela qual sempre tive sucesso limitado com as mulheres …
Tenho vergonha sexual e tenho medo do que as outras pessoas possam pensar de mim se eu mostrasse meu desejo sexual, especialmente o que meus pais poderiam pensar!

Sem te chatear muito com a minha história, sempre fui provocado quando criança por mulheres. Foi em um tom amigável, mas eu não entendi isso na época. Eu nunca fui encorajado a ser um homem sexual, e isso não é para culpar ninguém ou procurar desculpas, mas estou tentando encontrar explicações.

Para explicar, sempre tive medo de ter uma garota na minha casa. Eu tive esse medo de ser provocado pela minha família e nunca tive uma menina na minha casa. Eu tive muitas oportunidades de trazer garotas de volta para minha casa, mas eu não tenho, como eu tenho medo! O que meus pais pensariam de mim se eu trouxesse uma garota para casa apenas para uma noite? Você deve saber que eu tenho 19 anos e ainda moro com meus pais, mas estou trabalhando para conseguir meu próprio lugar.
Além disso, eu estava sendo intimidado na escola por causa da minha falta de experiência, apesar de termos apenas

13-14 anos de idade. Isso me fez sentir inseguro sobre minhas habilidades com as mulheres, vejo isso agora.
Além disso, comecei a ver pornografia nessa idade, até alguns meses atrás, quando desisti. Eu acho que isso fez algumas coisas para minha vergonha sexual também.
Então a luta, eu encaro agora, é deixar o passado ser o passado e superar isso. É ridículo deixar o passado influenciar como eu quero viver minha vida agora, como um adulto!

A solução?
Eu tenho que dizer foda-se. Eu tenho que perceber, quem eu sou como um homem sexual. e para citar David Deida, «preciso viver minha vida como se meu pai estivesse morto», como viver sem vergonha. Eu preciso parar de dar a mínima para o que as pessoas pensam e aceitar um ser sexual.

Meu desafio para mim é o seguinte: tenho que me aproximar de uma garota e expressar meu desejo sexual. Vou relatar minha experiência.

Se eu ficar paralisado de medo, como já estive de vez em quando, terei que me lembrar de quão ridículo é esse medo e apenas fazê-lo.
Qualquer conselho é apreciado!
até a próxima vez,
Andreas

Celio Castro